Carl R. Rogers sobre a ciência

Creio que o objetivo primário da ciência é fornecer uma hipótese, uma convicção e uma fé mais seguras e que satisfaçam melhor o próprio investigador. Na medida em que o cientista procura provar qualquer coisa a alguém – um erro em que incorri mais de uma vez –, creio que ele está se servindo da ciência para remediar uma insegurança pessoal, desviando-a do seu verdadeiro papel criativo a serviço do indivíduo.

Tornar-se Pessoa, página aleatória